sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

fulminante

Se eu morresse hoje, e se nossas almas se separassem, e se nossas vidas tomassem rumos completamente diferentes, e se depois elas se cruzassem de novo em outro lugar, em outra época, em outro plano, eu sei, eu tenho certeza, eu te reconheceria em três segundos.

Um comentário:

Tangerina disse...

você escreveu exatamente o que eu vivo pensando, haha.