domingo, 23 de maio de 2010

post secret

depois de tanto tempo de convivência e noites a fio, tenho medo de ter ficado parecida com você, mas quando penso demais a respeito, não vejo muita diferença entre você e eu. talvez tenhamos feito as mesmas coisas. talvez eu soubesse desde o início a pessoa que você era, talvez eu tenha me reconhecido aí, não no resto. talvez eu não tenha ficado nada, talvez eu sempre fosse. não sei. acho que sempre houve um pouco de admiração misturada com culpa. eu queria ser um pouco mais como você, mesmo que eu achasse tão ruim. eu queria ser ruim como você. parecia divertido, enquanto você ria. o problema sempre foi depois. mentiras que se pode provar, lembra? se eu fizesse o mesmo que você, ao invés de só deixar ou de às vezes incentivar, se eu estivesse tão envolvida assim... em quem eu poria a culpa caso fosse pega? não, não tem mesmo muita diferença entre você e eu.

Nenhum comentário: